Viewing entries tagged
Ulsan

Bolsa de graduação na UNIST (Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Ulsan)

Para quem quer cursar a graduação nas áreas listadas abaixo, aqui vai a dica que o Daniel Fink (Ciência e Tecnologia da Embaixada do Brasil) me repassou:


As a university, UNIST offers many benefits to our students, including full scholarships for all students who maintain a B+ average or higher. Furthermore, we offer an education at one of the best supported and equipped schools in all of Asia. Our goal is for 20% of our undergraduate students population to be represented by citizens of different nations and cultures. For this reason, we request the help of the concerned who are interested in international students.
I am sending the admission guidelines to you. Please let many students know about 2011 spring UNIST admission guidelines for international students.
Thank you. 
Sincerely,
Jeong Bong Cho (PhD)
Admissions Officer
Ulsan National Institute of Science and Technology
+82-52-217-1182 / +82-10-3266-6729


Clique aqui para ver o arquivo com as guidelines.

Como sempre digo, esta é mais uma oportunidade em que a galera aí devia ficar de olho. Essa universidade é famosa por conseguir com que 100% de seus alunos já saiam empregados, por estar localizada numa cidade coreana, Ulsan, com um dos importantes complexos industriais do país.

O prazo para inscrição é curto, mas quem já tem boa parte da documentação engatilhada, fica fácil. Qualquer dúvida, entrem no site da universidade ou liguem para o telefone do responsável pela seleção de novos alunos acima.

Mais uma bolsa de graduação na Coreia, na área de tecnologia

Mais uma dica quente para quem procura uma bolsa de estudos no exterior. O Daniel Fink, da Embaixada do Brasil na Coreia, me enviou um email pedindo para divulgar. Infelizmente parece que eles foram avisados de última hora e o prazo está se esgotando: vai até o dia 20 de janeiro, para quem for selecionado já começar em 2010.

Não li o edital todo, mas parece ser a mesma bolsa do NIIED para graduação, só que específica para a área de tecnologia. Os selecionados estudarão na UNIST, que é uma universidade de ciência e tecnologia em Ulsan.

Se você já tem a papelada pronta (ou pelo menos pode ter até dia 20), tem até 25 anos e se enquadra nos outros pré-requisitos do edital, entre em contato com o Daniel pelo email danielfink@brasemb.or.kr. O edital você encontra aqui.

A meninada tá dando bobeira em não voltar os olhos para tantas oportunidades na Ásia. Formar-se na área de tecnologia em Ulsan, uma das cidades que abriga um dos importantes complexos industriais da Coreia, é ter emprego garantido ao se formar.

Resumão das férias #1 (Ainda na Coreia)

Estes são meus últimos dias de férias. Dia 1 de setembro começam minhas aulas e, segundo o Juliano, eu vou parar na senzala, como todo mestrando na Coreia. Então é melhor eu contar logo o que fiz nas férias antes que meus dias de lerê-lerê comecem.

Além de Anmyeondo e do Festival de Lama, que já contei aqui, andei passeando em outros lugares na Coreia em meados de julho. É que o pessoal do PCNB (Presidential Council on Nation Branding) - aqueles que descobriram que blogueiro estrangeiro seria uma boa pra divulgar o país deles - levaram a turma de estudantes estrangeiros para dar conhecer algumas das principais empresas e cidades históricas coreanas. Então aí vai uma fotopostagem com algumas cenas das viagens.

HOTEL, POHANG e POSCO


Área de lazer do hotel onde nos hospedamos.


Sessão de fotos.


Não é que fizeram um workshop para ensinar a turma a tirar foto?


Su Hee e eu. E eu "surri".


Eu e Gustavo, já emPOSCADOS.


Agatha e eu. Que saudade dessa maluca!


GYEONGJU

Gyeongju era a capital do Reino Silla, que praticamente comandou a península coreana durante o primeiro milênio. Por este motivo, Gyeongju é hoje uma das cidades históricas mais visitadas na Coreia. Foi uma pena que choveu e ventou tanto no dia em que estivemos lá.

Dizem que tocar nesse porquinho traz boa sorte. Então resolvi bater um papo com o suíno.




E não é que já teve brazuca passando por ali?


A alegria da criança ao tomar água na bica!


Jamali. Praticamente um modelo bengalês.




HYUNDAI, ULSAN

Em Ulsan, fizemos um tour pela maior fábrica da Hyundai. Eles já estão tão acostumados a receber turistas que já têm guias preparados para contar toda a história de sucesso da empresa.

No museu da Hyundai estava essa bicicleta, que pertencia a seu fundador Chung Ju-yung, na época em que a economia coreana era agrária e a renda per capita anual era de 87 dólares. Hoje a Coreia é um país que exporta tecnologia e a renda per capita anual é de quase 30.000 dólares.


Eu e o Genesis. "Genésio" para os íntimos.

No final ainda ganhamos uma livreto com uma foto da turma toda que foi tirada na hora, além de uma miniatura de um carro da Hyundai. Valeu a visita, mas preferia ter ganhado um carro de verdade.