Esta aula é muito simples, porém fundamental, afinal conjugar verbos e adjetivos no presente é o que você vai fazer com mais frequência quando conversar com um(a) coreano(a). Aliás, cabe aqui uma explicação: por que é que a gente "conjuga" adjetivos em coreano? Afinal, em português, como na maioria das línguas ocidentais, adjetivos seguem um verbo de ligação (ser) e não são "conjugados". Em português eles apenas concordam com gênero e número.


No entanto, em coreano, adjetivos funcionam como verbos, e dispensam o uso do verbo de ligação. Mais tarde você vai aprender que existem diferenças entre o uso de adjetivos e verbos, mas basicamente eles funcionam da mesma forma.

Para não repetir a aula do vídeo, aqui vão apenas mais alguns esclarecimentos:

1. A vogal "ㅡ" (como em 쓰다) é fraca, e tende a desaparecer quando o verbo e conjugado. Por isso 쓰다 virou 써요. Outros exemplos são: 크다 (grande) -> 커요; 뜨다 (flutuar, emergir) -> 떠요.

2. Estamos ensinando a conjugar na forma educada padrão (não é a mais formal, nem informal).

3. Existem verbos e adjetivos irregulares em coreano, que não seguem essa regra à risca. Mas esses ensinaremos nas próximas aulas.

Dúvidas? Deixe nos comentários e vamos tentar responder :)