As consoantes do hangeul, assim como as vogais, são muito fáceis de se escrever. Não são difíceis de serem pronunciadas, mas algumas confundem por terem sons muito parecidos.
Vamos lá. Essas são as consoantes do hangeul, com a romanização entre parênteses:

ㄱ (g,k)  ㄴ (n)  ㄷ (d,t)  ㄹ (r,l)  ㅁ (m)  ㅂ (b,p)  ㅅ (s)  ㅇ (ng)  ㅈ (j)

ㄲ (kk)  ㄸ (tt)  ㅃ (pp)  ㅆ (ss)  ㅉ (jj)  ㅋ (k)  ㅌ (t)  ㅍ (p)  ㅎ (h)   ㅊ (ch)

Para aprender a escrevê-las corretamente, assista ao vídeo e tente seguir a mesma ordem ao fazer os traços. Pode parecer uma coisa boba, mas a ordem dos "palitinhos" faz muita diferença quando você escreve rápido. Às vezes, quando lemos algo que um coreano escreveu com pressa, só é possível "decifrar" que letra é aquela se você souber a ordem correta dos traços.
As consoantes que têm duas letras na versão romanizada são assim porque depende da posição da consoante na palavra. Por exemplo, a palavra "" (arroz) é formada por  +  +  mas a romanização é "bap", porque o som do início e o do final são ligeiramente diferentes.
A consoante "" - a bolinha - é muda quando está no início da sílaba. Mas no final da sílaba tem som de "ng" como no inglês (king, long, hang). As outras nasais,  (n) e  (m) não têm muito segredo, pois são como as do português, com uma diferença: no final da sílaba elas têm que ser pronunciadas. Não como "Chapolin" ou "Chapolim" que é a mesma coisa para falantes de português.
A consoante "cobrinha" -  - é representa pela letra "r" no ínicio da sílaba e "l" no final. O som varia de acordo com o contexto. No início, sempre soa mais como o "r" de "arara", mas no final soa um pouco mais como "l". Também, quando o  do final de uma sílaba se encontra com outro no início da próxima, o som é sempre de "l", como em 빨리 (ppalli, rápido).
O menino com chapéu -  - tem som de h, como no inglês (house, hit, hot). É bem fraquinho, e às vezes nem é pronunciado.
As outras consoantes também são fáceis, mas podem causar mais problemas na hora de falar. Por isso vou deixá-las para a próxima aula de hangeul.