Hoje é Dia do Belleontain na Coreia. Belleontain é 벨런타인, que é Valentine, que é São Valentim, que foi um cara que não concordava com a proibição dos casamentos em tempos de guerra imposta pelo imperador Cláudio II, que acreditava que soldados solteiros lutavam melhor. Enfim, é Dia dos Namorados! Mas aqui o plural não inclui o gênero feminino: é só para os namoradOs mesmo.

Explico: dia 14 de fevereiro é chamado de "Valentine's Day" (벨런타인데이) na Coreia porque importaram a data do mundo anglófono. Mas como toda importação cultural, teve suas adaptações: aqui hoje é dia das mulheres darem chocolate para os homens. Podem dar outras coisas também, mas o chocolate é obrigatório.

E como fica a mulherada nessa história? Calma, que daqui a um mês elas recebem a restituição financeira e calórica. Dia 14 de março é o "White Day" (화이트데이), o "Dia das NamoradAs". Essa data começou no Japão e hoje é observada também aqui na Coreia do Sul, na China e em Taiwan, e tem esse nome porque os homens tinham que dar chocolate branco para as mulheres. Mas mais uma vez a importação coreana modificou as regras: o homem tem que dar doces (não só chocolate) para a mulher. Então no final das contas importaram o nome "White Day" e agora de "white" não tem nada.

E você não tem namorado(a)? Não se preocupe! Seus problemas acabaram! Os coreanos têm uma data pra você comemorar sua solteirice também: é o "Black Day" (블렉데이), no dia 14 de abril. Os solteiros saem com outros amigos solteiros para comer jajangmyeon (자장면), um macarrão com um molho escuro, muito popular na Coreia.

Jajangmyeon: muito bom, principalmente para os recém-chegados à Coreia que não conseguem comer os pratos apimentados

Perguntei para um coreano hoje: "Então o Black Day pode ser uma boa desculpa para chamar uma coreana solteira para sair e comer jajangmyeon, né?" Ao que ele respondeu: "Jamais! Isso seria trair o time dos solteiros! Black Day é dia de sair com os amigos solteiros do mesmo gênero e fingir que a gente não liga pro fato de não ter namorada..."