Ontem fizemos um City Tour (que, na pronúncia da nossa professora, é shitty tour) aqui em Cheongju. Essa cidade é maior que eu pensava: andamos mais de uma hora de ônibus e ainda estávamos em Cheongju.

Fomos a Cheong Nam Dae, ou "Vila Presidencial". É uma casa toda chicosa onde o presidente vai passar as férias, mas que fica aberta para turismo durante o resto do ano em que o presidente lá não está.

Logo que chegamos, vimos vários grupos de crianças com suas professoras, fazendo excursão escolar para se divertirem no local. Não deu outra: a criançada parou o trânsito dos estrangeiros (nós!). As coitadas das professoras estavam pelejando pra gente largar a meninada para elas fazerem as brincadeiras com elas, mas não teve jeito. Juntou todo mundo para tirar fotos com esses catatauzinhos que parecem de brinquedo!

E a recíproca é verdadeira: crianças coreanas têm muita curiosidade quando veem estrangeiros, porque a maioria delas só vê cara como a nossa na TV, e olhe lá. É como se elas estivessem tendo contato imediato de terceiro grau com ET's. De fato, é um contato com EC's (extracoreanos). O bacana é que eles não disfarçam como os adultos daqui, que muitas vezes têm a mesma curiosidade mas abaixam a cabeça de vergonha de olhar pra gente. A criançada fixa o olho e se deixar fica horas olhando pra nossa cara.


Outra coisa que me impressiona acerca das crianças coreanas é a relativa autonomia que elas têm, comparadas às crianças brasileiras. Essa cena que você vê na foto é muito comum de se ver por aqui. As crianças aprendem a andar em duplas ou grupos, e muitas vezes as professoras somem de vista e deixam os pimpolhos sozinhos num lugar público. E não raramente vemos criancinhas assim indo para a escola sem pai nem mãe. Desde cedo elas aprendem a pegar ônibus sozinhas. O perigo maior é atropelamento, porque roubo e sequestro são coisas raríssimas por aqui.

Para variar, gravei um vídeo. Vocês acharam que eu resistiria a filmar essas coisinhas tão engraçadinhas? Juro que se tivessem um botão ON-OFF eu trazia umas 3 pra casa!

No vídeo vocês vão ver também o Huguinho, filho do Hugo, nosso amigo do Paraguai. A esposa e o filho vieram pra cá nesse ano, e o Huguinho tem sido o mascote da turma. Sem falar que as ajummas TODAS da Coreia babam horrores em cima dele, porque "ele tem olhos tãããooo grandes!".